cursos photoshop, livros photoshop, tutoriais photoshop, tutoriais flash, tutoriais 3ds max
Tutoriais de Photoshop mais populares...
tutorial Photoshop - bola de basquetebol tutorial Photoshop - faca de churrasco tutorial Photoshop - como fazer cabelo tutorial Photoshop - marcar a ferro quente tutorial Photoshop - como fazer um escudo tutorial Photoshop - como fazer uma lata de refrigerante
21 Agosto 2006 - por Magno Urbano

por Magno Urbano

Actualmente, muito poucas pessoas estão dispostas a arriscar, a tentar ou a assumir responsabilidades. Por isso vemos, por exemplo, em Hollywood, um festival de mediocridade onde, praticamente, todas as empresas produtoras de vídeo limitam-se a fazer sequelas ou novas versões de filmes já feitos. Todos querem ter salário de chefia, de preferência, sem ter de assumir qualquer responsabilidade. Assumir responsabilidades, no pensamento geral, pode significar a derrocada de uma carreira, em caso de erro.

Vejamos, por exemplo, o caso ocorrido com a Intel, há alguns anos.

Por tratar-se de uma empresa multinacional, a Intel possui vários escritórios regionais ao redor do mundo. Todos esses escritórios, devido ao pânico instaurado de nunca assumir responsabilidades, aguardam, pacientemente, pelas normas e linhas gerais a seguir, determinadas pela sede. Assim, podem dormir tranquilos, uma vez que a responsabilidade, em caso de falha, sempre cairá sobre os que traçaram as directrizes.

Entretanto, existe um problema: por tratar-se de uma empresa multinacional, todas as directrizes gerais precisam ser adaptadas às diferentes culturas e línguas, o que pode ser catastrófico, se mal feito. E assim foi.

O ano era 2002 e a Intel acabara de lançar uma campanha para ressaltar aquilo que a marca representava para as empresas: “inovação, estabilidade e confiança ao longo de uma enorme linha de equipamentos e ofertas tecnológicas“, segundo a própria Intel. Então, lançaram uma campanha baseada na palavra YES (sim), campanha essa que mostrava, de forma positiva, que escolher Intel era ter todas as questões respondidas e resolvidas.

Para atingir estes objectivos, idealizaram um logotipo, para a campanha, com a palavra YES, escrita em negrito (para reforçar a ideia de determinação), num fundo azul. A campanha foi, então, lançada nos EUA. Veja a imagem da esquerda na figura deste artigo.

Ao mesmo tempo em que lançava a campanha nos EUA, a Intel certificou-se de enviar, o logotipo, para todos os escritórios regionais, com instruções para que fossem utilizados sem modificações.

Entretanto, ao ser lançada a campanha na Russia, algumas modificações tiveram de ser feitas. Como YES é uma palavra estrangeira e as letras Y e S não existem no alfabeto cirílico, colocaram um asterisco do lado do YES, que enviava o leitor à uma nota de rodapé onde havia a tradução da palavra. Veja a segunda imagem na figura mostrada, de seguida.

Intel Yes

Entretanto, observe o que aconteceu ao logotipo.

O asterisco faz surgir, no leitor, a ideia de existem ressalvas ao SIM. Então, pensa o leitor, que o SIM perde a convicção e o leitor começa a pensar que o SIM, provavelmente, poderá ser um TALVEZ, o que arruina completamente a campanha.

A grande lição é que as vezes, um pequeno elemento como um asterisco, pode ser decisivo!

 

 

tags: Dicas

 

 

Se gostou desse artigo...
::
receba as novidades deste site por e-mail!

 

o seu nome:
a mensagem:
 

 


Dê a sua opinião sobre este artigo

O seu nome

O seu e-mail

Opine sobre este artigo

Por favor copie o texto... AZXfzP na caixa seguinte:

CAPTCHA image

2 Opiniões

  1. adriano silva lopes on Setembro 12, 20074:27
    este artigo está bem descrito e são factos reais. mas eu queria me enviasem algumas dicas como eu de demonstrar ou assumir responsabilidade em qualquer empresa. muito obrigado peço deferimento
  2. magno.urbano on Setembro 12, 20076:20
    Não existe regra geral que sirva para todas os casos. É preciso ter confiança naquilo que se faz e ousar ter iniciativa. É estranho falar a frase "ousar ter iniciativa", quando a iniciativa devia ser algo normal e não ousado. Hoje em dia as pessoas ficam passivas diante dos acontecimentos e esperam as coisas acontecerem. É por isso que vemos, por exemplo, o surgimento de cantores e artistas medíocres, que surgem e são promovidos porque são os únicos que se apresentam às portas das editoras com algum tipo de projecto.
Curso Photoshop CC Curso Photoshop CC para iPad Curso Photoshop CC para iPhone Curso Photoshop CC para iPad Curso Photoshop CC para Mac Curso Photoshop CC para Apple TV

 

Ferramentas

Google PageRank
Conteúdo Duplicado

Categoriais

 ddddddd

Arquivos